Uma das maiores competições esportivas do planeta chega a sua vigésima edição na Copa do Mundo Rússia 2018. Durante 1 mês, jogadores de 32 países vão passar por 11 cidades em busca do troféu mais importante do futebol.

E quais serão as cidades que vão receber os jogos da Copa do Mundo da FIFA 2018? Neste post, vamos apresentar as principais e contar um pouco de sua história. Confira:

1. Moscou

Evidentemente que a primeira cidade da lista é a capital do país — Moscou. A cidade é a única que contará com 2 estádios durante a competição: Luzhniki e Spartak.

A capital russa está entre as metrópoles mais fascinantes do mundo. Entre os principais pontos turísticos a serem visitados estão a Praça Vermelha, um dos maiores marcos históricos do país, a belíssima Catedral de São Basílio, o Kremlin, antiga fortaleza soviética, além do mausoléu de Lenin, que abriga o corpo embalsamado do antigo líder russo.

2. São Petersburgo

Na mesma esteira de Roma ou Berlim, São Petersburgo é uma cidade que também pode ser chamada de “museu a céu aberto”. A cidade vai receber um dos jogos das semifinais.

Também conhecida como “Veneza do norte”, pela infinidade de canais que cortam a cidade, São Petersburgo conta com um dos museus mais importantes do mundo: o Hermitage, que abriga peças do próprio país e de diversas partes do mundo, principalmente da Europa Oriental e no norte da África.

O museu foi fundado em 1764 e se divide em dez prédios que estão às margens do rio Neva. Os espaços abrigam nada mais do que 3 milhões de obras, dispostas em mais de 300 salas. Destaque para “A Madona e a Criança” de Leonardo da Vinci e a “A Ponte Waterloo”, de Claude Monet.

3. Kazan

Com mais de mil anos de história, a cidade de Kazan foi capital da antiga república do Tatarstão. O local abrigou mais de 100 povos distintos, vindos da Europa e da Ásia, o que culminou com uma herança histórica cultural bastante diversa, complexa e interessante.

Entre as principais atrações da cidade se encontram as construções, que refletem diversos estilos arquitetônicos. É possível visitar, em uma só região, a Mesquita de Kul Sharif e a Catedral da Anunciação, além de igrejas luteranas e até uma sinagoga. E o melhor é que todos os povos convivem em harmonia.

Além disso, Kazan conta com muitos cafés e restaurantes que ilustram o melhor da cozinha nacional. Para os jogos, a cidade conta com a Kazan Arena.

4. Sochi

Conhecida como a riviera russa, Sochi já foi palco de uma outra importante competição esportiva. Em 2014, a cidade foi palco dos Jogos Olímpicos de Inverno. Com 140 quilômetros ao longo do Mar Negro, Sochi conta com um rico patrimônio artístico e cultural. Para a Copa do Mundo Rússia 2018, os jogos serão disputados no Estádio Olímpico de Fisht.

Com muitas reservas naturais e quedas d’água e cavernas, Sochi tem um dos seus pontos fortes na cozinha. A culinária caucasiana é repleta de pratos típicos, como o tradicionalíssimo chachlik, que é uma espetada de carne.

História é o que não falta na Rússia. As cidades que vão abrigar o torneio tem valor cultural inestimável para o mundo e encantam turistas que as visitam anualmente!

Gostou do texto sobre as cidades que vão sediar a Copa do Mundo Rússia 2018? Assine a nossa newsletter e fique por dentro de outros assuntos como este!