Com o fim de 2016, também chega o momento de todas as empresas pararem por um momento e se prepararem para o ano seguinte. Muitas companhias trabalham com um planejamento estratégico anual, ou seja, criam um ciclo de renovação que visa melhorar a empresa a cada ano, obtendo mais lucro, contratando mais e, se tudo der certo, fazendo algum bem extra para a sociedade.

Porém, alguns empresários não estão totalmente preparados para 2017, pois não sabem exatamente como fazer esse planejamento. Não de forma concisa e estruturada, pelo menos. Se você está incluído nesse grupo e quer melhorar o seu planejamento estratégico para 2017, não se preocupe. Trouxemos aqui 5 passos simples para orientá-lo nessa tarefa. Acompanhe:

1. Faça uma revisão de 2016

O primeiro passo em todo processo de planejamento é avaliar a condição atual. Mesmo se sua empresa for muito recente, não quer dizer que ainda não haja informação suficiente. Reúna tudo que tiver: capital disponível, recursos humanos, despesas médias, condições gerais do mercado, concorrência etc. Esses dados serão a base para alcançar os resultados esperados ao final do processo.

2. Estabeleça metas realistas para o próximo ano

Agora que todas as informações estão sobre a mesa, o próximo passo do seu planejamento estratégico é definir os objetivos da empresa. Um propósito comum em empresas mais ambiciosas é dobrar algum de seus indicadores de performance a cada ano, como seu lucro líquido ou o número de clientes em sua base. Em outros casos, pode ser algo mais modesto, como abrir uma segunda loja, com uma reserva como garantia, caso algo dê errado.

É muito importante destacar dois pontos:

  • As metas da empresa não são metas pessoais: comprar uma casa, trocar de carro ou viajar são coisas a serem planejadas fora do escopo da empresa, considerando apenas o orçamento familiar;
  • As metas devem ser alcançáveis: mesmo que seja uma empresa cheia de determinação, nenhum planejamento estratégico vai levá-la muito além de seus limites. Além disso, superestimar os resultados frequentemente leva à frustração.

3. Crie um plano para alcançar suas metas

Você sabe onde está. Sabe aonde quer chegar. Agora, trace uma linha que ligue esses dois pontos. Parece muito fácil falando dessa forma, mas sempre existem vários obstáculos no processo. Em termos simples, use sua pesquisa do primeiro passo para determinar quais atitudes trarão os resultados esperados, preveja possíveis riscos e considere bem suas apostas.

Lembre-se: todos os seus planos devem ser desenvolvidos de forma integrada e baseados em dados claros. Não em feeling, nunca em impulsos.

4. Acompanhe cada passo com disciplina

Com um planejamento estratégico feito, agora a tarefa é segui-lo. Lembre-se sempre de tomar nota do que acontece no caminho e comparar com suas estimativas originais. Oscilações são sempre esperadas, mas se o primeiro passo foi dado corretamente, então tudo estará em um intervalo de confiança razoável.

5. Adapte-se na medida do necessário

Como acabamos de mencionar, seguir o plano é bom, mas ele nunca sai exatamente como o esperado. Em outras palavras, você precisa flexibilizar o seu plano ao longo do tempo. Não encare isso como uma falha no seu planejamento, mas como uma possibilidade normal. A realidade não costuma seguir as ideias das pessoas. Normalmente o processo é o contrário.

Agora você entende melhor como desenvolver seu planejamento estratégico para 2017. Se quiser mais conteúdo para se preparar, veja nosso artigo sobre falhas nas metas de vendas e se prepare ainda melhor para o ano seguinte.