Entenda a diferença entre endomarketing e comunicação interna

  • Post Author:
  • Post Category:Blog
Entenda a diferença entre endomarketing e comunicação interna

É comum que muitas empresa se preocupem em divulgar produtos e atrair clientes, mas se esqueçam de pensar em estratégias que envolvam um de seus ativos mais importantes: seus colaboradores.

Os colaboradores são os maiores porta-vozes de uma organização. O engajamento deles com a missão e os valores da empresa é essencial, não só para motivar a equipe e otimizar os trabalhos, mas também para que eles realmente vistam a camisa da companhia e trabalhem como embaixadores da marca.

Se você já pesquisou um pouco sobre o assunto, com certeza se deparou com 2 termos muito recorrentes: comunicação interna e endomarketing. A princípio, esses conceitos podem parecer iguais, mas na verdade têm objetivos distintos.

Quer saber qual é a diferença entre endomarketing e comunicação interna? Leia agora mesmo no nosso post:

Um público, dois objetivos

Tanto o endomarketing quanto a comunicação interna têm foco no mesmo público: os colaboradores de uma companhia. Porém, ainda que complementares, os dois buscam engajar esse grupo de maneira diferente. Vamos entender isso melhor a seguir:

Comunicação interna

A comunicação interna de uma empresa é a ferramenta que ela usa para informar e alinhar os colaboradores sobre novas ações, estratégias e metas de trabalho. Ela estimula o diálogo e a troca de informações, permitindo a criação de um fluxo colaborativo dentro da companhia.

Isso é importante, pois influi diretamente na produtividade da equipe. Ou seja, com uma comunicação interna efetiva e de mão dupla — que não só comunique, mas que também ouça —, é possível fazer com que cada colaborador se sinta parte integrante da empresa, estabelecendo os vínculos que vão resultar em melhores entregas e, como consequência, maiores lucros para a organização.

Para isso, podem ser utilizados diversos meios, como quadro de avisos, newsletter, jornal interno, entre outras opções. Nesse caso, deve-se pensar o perfil das áreas da empresa e desenvolver estratégias de informação para cada uma delas.

O endomarketing

Já o endomarketing diz respeito às táticas que buscam desenvolver um relacionamento com a equipe, tratando seus membros como clientes internos da marca. Isso parte do pressuposto de que os colaboradores são os primeiros clientes de um negócio: são eles que vão defender com unhas e dentes o produto que estão contribuindo para desenvolver.

Uma boa estratégia de endomarketing vai fidelizar os profissionais, torná-los consumidores e, mais do que isso, fazer com que vistam a camisa da organização e a defendam dentro dos seus círculos sociais, trabalhando como embaixadores da marca.

Entre as ações mais comuns do endomarketing, estão os vídeos institucionais, os eventos internos, ações de lançamento de produtos da empresa para os colaboradores e viagens de incentivo.

Qual das duas estratégias é melhor?

Não existe resposta certa para essa pergunta. As duas são complementares e devem ser trabalhadas em conjunto para que sejam alcançados resultados ainda mais significativos no engajamento dos colaboradores e na melhoria do clima interno. Não há como pensar em uma sem pensar na outra: elas devem ser desenvolvidas paralelamente.

Para que você saiba como aplicar as estratégias de endomarketing e comunicação interna de forma eficiente, nós separamos 4 dicas muito importantes. Confira abaixo:

1. Separe um local específico para divulgação

Para desenvolver a comunicação interna de maneira eficiente, é fundamental que você tenha um espaço reservado para divulgar as novidades da companhia. Dessa maneira, você centraliza as informações e facilita o acesso dos colaboradores a elas.

Esse espaço pode ser um mural ou até mesmo uma televisão colocada em local estratégico, como um corredor da empresa. O importante é que o local escolhido tenha circulação frequente de colaboradores para atingir o máximo de pessoas possível.

Se você não tem como montar esse espaço, elabore jornais internos impressos ou utilize a tecnologia a seu favor: envie e-mails periodicamente para seus colaboradores com as principais notícias da empresa. Lembre-se de que o fundamental é informá-los para promover o engajamento nas atividades promovidas pela instituição.

2. Organize eventos para os colaboradores

Os eventos são uma excelente forma de criar laços de familiaridade entre colaborador e instituição, além de integrar setores da empresa, estimulando o trabalho em equipe. É importante aproveitar essas ocasiões para oferecer atividades físicas e de relaxamento, demonstrando a preocupação da empresa com o bem-estar de todos.

Os eventos também podem ser momentos oportunos para premiar equipes ou colaboradores que se destacaram. Afinal, oferecer recompensas por bom desempenho é uma estratégia muito eficiente para incentivar outros colaboradores a obter melhores resultados em suas funções diárias.

Nesse sentido, uma dica interessante é realizar eventos periódicos, mesmo que fora de datas comemorativas. Dessa forma, a empresa reitera seu compromisso com seus colaboradores e fortalece os vínculos afetivos.

3. Estimule a interação

Uma maneira simples e eficiente de envolver seus colaboradores com a empresa é promover a interação, por meio de jogos, desafios ou até mesmo abrindo seus canais de comunicação para que eles se expressem.

Por exemplo, você pode veicular em seu mural ou no jornal interno uma foto de um colaborador na infância e desafiar os outros a descobrirem quem é a criança. Assim, você está não somente engajando sua equipe em uma atividade prazerosa, mas também estimulando a integração entre eles.

Outra ideia criativa é permitir que eles apresentem seus talentos nos canais de comunicação interna. Procure saber se há colaboradores com dons artísticos ou conhecimentos específicos interessantes, e convide-os a expor seus trabalhos no mural, no jornal ou na televisão institucional.

4. Ofereça benefícios diferenciados

Uma forma de melhorar o endomarketing na sua empresa é disponibilizar para seus colaboradores alguns benefícios que vão além dos corriqueiros. Ou seja, você pode estabelecer parcerias com outras empresas para oferecer promoções à sua equipe de trabalho.

Alguns exemplos de benefícios em que você pode investir são descontos em academias, restaurantes, cursos profissionalizantes ou cursos de língua estrangeira. Além disso, você pode oferecer viagens de incentivo para equipes que se destacam, uma ótima forma de estimular os colaboradores para conquistarem resultados cada vez melhores.

Quer receber mais dicas sobre questões empresariais, como endomarketing e comunicação interna? Siga a Top Service no Facebook agora mesmo!