Expo Dubai:
o mundo reconectado em direção ao futuro

<strong>Expo Dubai:<br>o mundo reconectado em direção ao futuro</strong>

A princípio, sabemos que 2020 foi um ano que nos convidou a mudar planos, alterar rotas e ressignificar nossos propósitos. E encontrar novas alternativas não foi diferente para os grandes eventos, entre eles a Expo Dubai.  

Agora, neste marco para a história dos Emirados Árabes, a cidade-sede se prepara para entregar os detalhes finais da infraestrutura planejada.

Dessa forma, você confere abaixo o conteúdo atualizado referente ao evento, que acontece entre 01 de outubro de 2021 e 31 de março de 2022.

A Exposição

As Exposições Mundiais, ou simplesmente “Expo”, tiveram início no ano de 1851, na Inglaterra. A ideia veio do Príncipe Albert, marido da Rainha Victoria.

Sob o título “Grande Exposição dos Trabalhos da Indústria de Todas as Nações”, o Palácio de Cristal, em Londres, sediou pela primeira vez o que ficou conhecido como marco da era moderna.

Devido, sobretudo, à Revolução Industrial, o século 19 foi um período de grandes avanços tecnológicos . Tamanha inovação incentivou os países europeus a criarem um evento com o objetivo de mostrar força e soberania.

O primeiro evento internacional de produtos manufaturados influenciou o desenvolvimento de vários aspectos da sociedade. Entre eles, a arte e o design, o comércio, as relações internacionais e até o turismo. Além disso, foi o precedente para as exposições internacionais como conhecemos atualmente, que acontecem a cada cinco anos.

Expo Dubai

Apesar de acontecer um ano depois do previsto, ainda podemos chamá-la de Expo Dubai 2020. Mas não se engane em supor que o evento parou no tempo, afinal o investimento na infraestrutura desse marco soma a casa dos bilhões.

Toda essa grandiosidade não é somente pela característica superlativa de Dubai, afinal cidades sonham em sediar as Feiras Mundiais há quase 200 anos.

Ao longo da história, apenas 13 países já receberam Expos em 37 edições, logo, esta é a primeira vez que uma cidade do Oriente Médio irá sediá-la. Dubai competiu com Ecaterimburgo, na Rússia; Ízmir, na Turquia; e São Paulo.

Considerado o maior evento já realizado nos Emirados, o investimento bilionário englobou diversas melhorias, como o aumento na infraestrutura urbana e hoteleira, um pavilhão de 1,1 milhão de m², movido à energia solar, bem como a expansão do sistema de metrô. Inclusive, o trem inaugural já chegou à Expo 2020 Station nesse mês de junho, e em uma extensão de 15 quilômetros do metrô de Dubai, conecta a Estação Jebel Ali ao local da Expo.

Desde a primeira edição, as Expos buscam focar em temas relacionados à humanidade e atualidade. Eventualmente, neste ano, os pilares que levaram Dubai a adotar o tema “Conectando Mentes, Criando o Futuro” foram “Oportunidade”, “Mobilidade” e “Sustentabilidade”.

Como resultado, a cidade estima receber 190 países participantes, que também investem em seus pavilhões temáticos, juntamente com milhões de visitantes vindos de todas as partes do mundo. Uma oportunidade única e engrandecedora, voltada a diversas áreas da tecnologia, mercado, comércio exterior e inovação.

Brasil na Expo Dubai

Entre as principais atrações da Expo estão os pavilhões dos países participantes, que contam com espaço expositivo, atividades culturais e gastronômicas, assim como eventos de relacionamento.

O pavilhão do Brasil terá como tema a sustentabilidade. Com 4 mil metros quadrados, foi inspirado no Rio Negro e na natureza da região norte do país. Desse modo, a temática reafirmará a importância da biodiversidade, da cultura da preservação do meio ambiente, da competitividade baseada na sustentabilidade e no retrato da multiculturalidade.

O projeto arquitetônico contará com espaço para palestras e exposição, assim como café, restaurante e loja de souvenires.

Uma chance para apresentar ao mundo a diversidade brasileira e divulgar o país em seus múltiplos aspectos, como economia, agronegócio, tecnologias e potencial destino para investimentos.

A vacinação contra a Covid-19 nos Emirados Árabes

Um dos quesitos mais importantes e que animam frente às possibilidades é o avanço da vacinação nos Emirados. Isso porque desde abril, Dubai já contava com shoppings movimentados, restaurantes abertos e o comércio girando.

Oásis futurista e cheio de esperança para o turismo, mais de 80% da população já está vacinada. Esse número só tende a aumentar até o início da Expo Dubai!

Até o momento, a vacina contra o novo coronavírus para visitantes não é obrigatória, sendo necessário apenas o exame PCR negativo. O evento contará com rigorosos padrões de higiene, como controle de uso de máscaras e distanciamento, segundo informações disponíveis no site oficial do evento.

Em síntese, o mundo espera pelo momento em que poderemos nos reconectar novamente! Vincular a sua marca à Expo Dubai é uma oportunidade excelente para adicionar conteúdo e agregar experiências grandiosas à bagagem.

Inspire, impulsione e esteja à frente junto ao seu time e parceiros de negócios! Entre em contato com a gente para descobrir como transformar a Expo Dubai na próxima ação de incentivo da sua empresa.

Deixe um comentário